Homem mata jovem esmagada após assediá-la, em Itajaí

Em 11/10/2021
por Giulia Toscani

Uma jovem de 18 anos foi atropelada e morta na noite de domingo (10) em Itajaí. Segundo o relato da Polícia Militar, o crime ocorreu após o motorista ser repreendido pelo namorado da vítima por chamá-la de “gostosa”. A jovem, Vanessa Tamyris de Oliveira Machowski chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos. O agressor tentou fugir, porém foi localizado e preso pela Polícia Militar em seguida.

A vítima APRESENTAVA POLITRAUMATISMO. Foto: reprodução redes sociais.

A ocorrência foi registrada por volta das 21h30min, na Rua José Luiz Marcelino, no bairro Cordeiros, em frente à casa do namorado. O rapaz de 21 anos contou que estava dentro da cabine de um caminhão, estacionado, conversando com a garota, quando um homem, de 35 anos, passou dirigindo uma Tucson, parou e assediou a mulher. Ele disse que então desceu do caminhão para defender a namorada e começou uma discussão.

O namorado afirmou à PM que o assediador aparentava estar bêbado e depois de terem discutido, o homem teria deixado o local. Minutos depois, segundo a testemunha, voltou à rua onde o casal estava e jogou o carro em cima da garota, que foi esmagada contra o caminhão. Segundo o Corpo de Bombeiros, Vanessa estava inconsciente e apresentava politraumatismo na região da pelve, fêmures e possível hemorragia interna.

O motorista fugiu, mas foi encontrado pela Polícia Militar momentos após o crime. O carro usado por ele também foi localizado com a parte dianteira amassada. Como apresentava alguns cortes no rosto, o homem recebeu atendimento médico e depois acabou preso em flagrante. Segundo a Polícia Militar, ele confessou o crime e vai responder por homicídio doloso — quanto há intenção de matar.